Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Seara de fé — Autores diversos


8


Normas da vida

  1 Amigos devotados te acompanham,

  Quando clamas a sós, sem que o mundo te veja,

  Sob a fé que reténs, humilde e benfazeja,

  Na proteção do Céu que te anota o pesar;

  São amigos que volvem de outros Planos,

  Envolvendo-te em paz e a guardar-te em amor,

  Que te ofertam apoio e te rogam à dor:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar.


  2 Sofreste amargas provas pela estrada,

  Carregas em ti mesmo o estranho atrito

  Das largas dores que em teu peito aflito

  São nuvens que te fazem desvairar;

  Entretanto, asserena-te e prossegue

  Nos encargos que o mundo te confia,

  Porque o dever nos pede, a cada novo dia:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar.


  3 Padeces o abandono de entes caros,

  Viste o sonho tornar-se desencanto,

  O tempo se te fez angústia e pranto,

  Portas a dentro de teu próprio lar;

  Queres renovação e segurança,

  Encontrar a ventura como a sentes,

  Mas a vida te roga às lágrimas ardentes:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar.


  4 A esperança palpita em toda a Terra,

  De recanto a recanto, pólo a pólo,

  Dos abismos recônditos do solo

  Aos montes refletindo a luz solar;

  O cacto no deserto pede orvalho,

  Roga o deserto poços de água pura

  E, em torno, ouve-se a prece da secura:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar.


  5 Desce a fonte dos ápices da serra,

  Desenrola a corrente, fio a fio,

  Anseia conquistar a grandeza do rio,

  A fim de surpreender os segredos do mar;

  Há hora de plantio e há hora de colheita,

  Na Terra, a expectação é marca em tudo

  E nela escreve o Tempo, — o sábio amigo e mudo:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar.


  6 Assim também, alma nobre e fraterna,

  Se a presença da luta te atordoa,

  Não esmoreças… Segue, ama, perdoa

  E continua a crer, a servir e elevar;

  Fita no Azul Celeste os sóis suspensos

  E reconhecerás, alma querida,

  Que a vós do próprio Deus nos pede à vida:

  — Trabalhar, esquecer, esperar e esperar…


.Maria Dolores


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir