Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico Xavier: O Primeiro Livro — Autores diversos

Parte II — Chico Xavier: Versos por ele mesmo

33


Riso e lágrima

1 Riso, clarão de sol das alvoradas

Da ventura esplendente que seduz,

Suave alvorecer, réstia de luz,

Afastando o negrume das estradas.


2 Lágrima, lírio das dores de Jesus,

Amargura das almas torturadas,

Filha das emoções divinizadas,

Mensageira da dor que a Deus conduz.


3 Riso, vendo-te embora refulgindo

Num horizonte feliz, radioso e lindo,

Onde a alegria é rutilo fulgor,


4 Prefiro a pobre lágrima sentida,

Que me impele à grandeza de outra vida,

Onde é excelsa e imortal a luz do amor!


.Francisco Xavier


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir