Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Marcas do caminho — Autores diversos


2


Sigamos com Jesus

  1 Meus filhos, a nova era

  É divina primavera

  Nascente, clara, louçã…

  Ao sol do evangelho vivo,

  Busquemos trabalho ativo,

  Enquanto raia a manhã.


  2 Partamos ao dia lindo.

  Colhendo e distribuindo

  As flores do amor cristão.

  Convertamos nossa lida

  Na bênção indefinida

  De paz e de redenção.


  3 Onde a mente enferma e pobre

  De ignorância se cobre

  Na treva em que se conduz

  Passemos servindo, em bando,

  Felizes, despetalando

  Os lírios alvos da luz.


  4 Onde a dor exibe chagas,

  Angústias, misérias, pragas,

  Desânimo e solidão,

  Espalhemos com bondade

  As rosas da caridade

  Que nunca fenecerão.


  5 Onde o frio é rijo açoite

  Aos que choram sob a noite,

  Sem a ternura de alguém,

  Trazendo incentivo e lume,

  Libertemos o perfume

  Das açucenas do bem.


  6 Onde a revolta se exprime,

  Na mágoa, no horror, no crime,

  Nas hecatombes até

  Plantemos com segurança

  Verdes palmas de esperança

  Para a vitória da fé.


  7 Comecemos desde agora,

  Ao doce calor da aurora,

  Servindo sem descansar.

  Quem no Evangelho não dorme

  Encontra colheita enorme

  Nas bênçãos do Eterno Lar!…


  8 E se alguém amaldiçoa

  Nossa oferta humilde e boa,

  Digamos sem aflição:

  — “Por amor fazemos isto!…”

  Sigamos com Jesus-Cristo,

  Filhos do meu coração!


.João de .Deus



(Solenidade comemorativa em B. Horizonte, MG, 07.09.1950)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir