Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Gotas de luz — Casimiro Cunha


3


De toda a parte

  1 Lisonja é moeda falsa

  Cunhada pela ilusão

  Que a nossa própria vaidade

  Coloca em circulação.


  2 Virtude eleita e sublime

  Que em solidão se consome

  É diamante belo e frio

  Que não nos sacia a fome.


  3 A fama é tuba comprida

  De curto discernimento

  Que toca mais à fortuna

  Que ao justo merecimento.


  4 Evita a bajulação

  Que te aparece na estrada.

  A língua do adulador

  É qual lâmina de espada.


  5 O sábio corrige em si,

  Na luta em que se rodeia,

  Aquilo que o desagrada

  No campo da vida alheia.


  6 Ajuda com diligência,

  Sem condições e sem ágio.

  O auxílio tardo é socorro

  Que vem depois do naufrágio.


  7 A coragem da justiça

  Tem gritos de tempestade,

  Mas perdão e paciência

  São as forças da humildade.


  8 Uma palavra que emende,

  Uma palavra que corte…

  Uma pode dar a vida,

  Outra pode dar a morte.


  9 Dinheiro, poder, conforto,

  Nadando em vida insegura,

  São tormentos da riqueza

  Sobre o trono da fartura.


  10 Se desejas luz e paz

  Na aflição que te aniquila,

  Procura contigo mesmo

  A consciência tranquila.


.Casimiro Cunha


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir