Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Escrínio de luz — Emmanuel


53


Serviço

1 Tudo na vida é trabalho divino a expressar-se, vitorioso.

2 E a Natureza, servindo, infatigável, simboliza o trono de Deus a glorificar-se pelo serviço incessante.

3 Trabalha o sol sem repouso, na sustentação de todas as criaturas.

4 Desfaz-se a nuvem no amparo à terra seca, através do orvalho vivificante.

5 O vento ajuda a fecundação da planta.

6 A planta auxilia sem descansar.

7 Corre a fonte por espalhar assistência e carinho.

8 Sofre o animal em holocausto constante para que o homem se reconforte.

9 Consome-se o verme no amanho do solo amigo.

10 E por toda parte, o trabalho é a essência da própria vida, descerrando-lhe novos rumos.

11 Somente o homem quase sempre deseja transformar o serviço em dolorosa penitência, caçando, inconsequente, o comprado repouso físico que apenas amargura e remorso lhe outorgará.

12 Somente o homem usa a máscara do pessimismo e serve o fel do desalento ou o veneno da rebeldia, inventando mil meios para furtar-se ao esforço que a natureza lhe exige.

13 Se acordaste, porém para a renovadora luz do Evangelho, farás do dever o cântico do destino.

14 Compreenderás que a vida mais alta é aquela que se oferece a benefício de todos e aprenderás, sem dificuldade, a auxiliar com alegria, na certeza de que a Lei Divina nos acresce os suprimentos à medida que nos dilatamos nas doações.

15 Recordemos, o Divino Mestre e, trabalhando sempre, ajudemos sem distinção. Vê-lo em sacrifício na Terra é perceber que no Céu a renúncia é privilégio dos que mais amam e que o serviço a todos é o único processo de penetrarmos um dia na comunhão com Deus.


.Emmanuel


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir