Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico no Monte Carmelo — Autores diversos — 2ª Parte


14


Entre dois séculos

1 Sob a tutela do Cristo de Deus, em um século de trabalho e esperança, vimos, no campo da fé, acontecimentos da mais elevada expressão.

2 A Humanidade codificou a nossa Doutrina de Redenção com Allan Kardec.

3 Provou a sobrevivência da alma além da morte com as experiências de Crookes.

4 Entreabriu a cortina dos céus com as elucubrações de Flammarion, entrevendo novos mundos nas faixas da imensidade.

5 Catalogou as suas dúvidas mais importantes nas perquirições de Richet.

6 Organizou conclusões de profundo interesse espiritual com elucidações de Bozzano.

7 Instalando retortas e gabinetes, em todas as latitudes, criou o acervo de valores que hoje nos constitui inapreciável patrimônio na ordem moral da vida.

8 Contudo, hoje, à frente do novo século de abençoadas realizações que o Alto nos propicia, é imprescindível considerar que nos compete agora o dever mais alto, 9 aquele de substancializar os ensinamentos já recolhidos em nossa própria existência, ajustando-nos ao espírito do Evangelho, cuja exaltação de imortalidade, em bases de misericórdia e justiça, o Espiritismo atualmente revive, 10 a fim de que possamos instalar no mundo o império da consciência cósmica, no qual a fraternidade pura e a ciência enobrecida representam os alicerces inamovíveis da Religião Universal da Sabedoria e do Amor que, regenerando a inteligência hipertrofiada do homem, conduzi-lo-á das hecatombes e aflições da mente desgovernada ao equilíbrio supremo e à suprema felicidade da comunhão com Deus.


Emmanuel



Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, em reunião pública da noite de 26 de dezembro de 1957, no “Centro Espírita Humildade, Amor e Luz”, na cidade de Monte Carmelo — Minas Gerais.


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir