Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico Xavier e suas mensagens no Anuário Espírita — Autores diversos ©


79


Atuação espírita

1 Qualquer pessoa, nas obras edificantes do mundo, grita, habitualmente, quando a dificuldade aparece:

  2 Dura prova!…

  Tudo por terra…

  Fracasso à vista!

  Mais trabalho…

  Na estaca zero!…


3 O espírita cristão ouve semelhantes alegações, conforme o dicionário de entendimento que lhe é peculiar, concluindo em mais alto nível:

  4 Provação é a base de experiência…

  5 Ninguém aprende sem erros…

  6 Fracasso é lição…

  7 Nada de bom se consegue sem sacrifício…

  8 Recomeço é sinal de aperfeiçoamento…


9 Em seguida, ele se reconhece:

  10 No lugar certo de servir,

  11 com a tarefa mais adequada às forças de que dispõe,

  12 junto dos companheiros mais indicados ao seu modo de ser e ao que precisa realizar,

  13 detendo recursos compatíveis com as suas necessidades

  14 e na ocasião exata de agir, segundo as obrigações que lhe compete.


15 E como sabe que a Obra do Bem pertence fundamentalmente ao Senhor e não aos homens, põe-se o espírita a trabalhar e faz, sinceramente, o melhor que pode, como o Senhor preferir, quando o Senhor julgue oportuno, onde o Senhor permitir, tanto quanto o Senhor deseje e com quem o Senhor quiser.


.Albino Teixeira



(Anuário Espírita 1968)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir