Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Alma e Vida — Maria Dolores


11

Cantiga da tolerância

1 Quem diz que o verbo se vai,

Qual sol vazio no vento,

Não mostra o espírito atento

Ao que se pensa e se diz;

2 Mormente agora, na Terra,

Em transição apressada,

A frase rude na estrada

Invoca a treva infeliz.


     3 Anota: às vezes, em casa,

    Por simples questão, à-toa

    Vem a injúria que atordoa,

    Partindo para a agressão;

     4 Duras mágoas do passado,

    Remexidas de repente,

    Parecem bombas da mente,

    De explosão para explosão.


5 O trânsito, em qualquer parte,

Parece um teste constante,

Exigindo, a cada instante,

Humildade e amor ao bem;

6 Aparece um desafio,

A prolongar-se no insulto,

E o crime que estava oculto

Arrasa os dias de alguém…


     7 Quanto puderes, evita,

    Onde estejas e onde fores,

    Queixas, intrigas, clamores.

    Ante o mal, silêncio é luz!…

     8 Quem serve, eleva e perdoa,

    Por mais sinta a vida amarga,

    Diminui a luta e a carga

    Que pesam sobre Jesus.


.Maria Dolores


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir