Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Abrigo — Emmanuel


3

Diante do Cristo vivo

1 Em verdade, aos olhos dos homens, o Messias expirara em aflitiva derrota.

2 Mestre — sofrera o abandono dos próprios discípulos.

3 Instrutor — fora esquecido de quantos lhe haviam recolhido a bênção de luz.

4 Benfeitor — contara com o vilipêndio daqueles a quem ofertara alegria e compreensão.

5 Médico — surpreendera-se com as acusações dos próprios enfermos aos quais presenteara com os dons da saúde.

6 Amigo fiel de todos — fora por quase todos escarnecido.

7 Ainda assim, da cruz do suposto Grande Morto que soubera preparar-se para a morte, uma luz nova brotou na ressurreição para a Humanidade terrestre.


8 Depois da mensagem de confiança que o triunfo sobre a morte lhe carreou para as criaturas da Terra, 9 as algemas da escravidão foram dissolvidas ao calor da justiça, 10 a caridade ergueu templos de amor sobre os pântanos da crueldade, 11 o clarão da fé superou as trevas do dogmatismo para desvelar infinitos horizontes no Céu e 12 a fraternidade inflamou lumes de esperança em todos os caminhos do Globo, para que os homens se façam verdadeiros irmãos!


13 Não nos esqueçamos de que o Grande Ressuscitado, não é tão somente o salvador gratuito que nos estende socorro nas provações que nos burilam a alma.

14 É também, no mundo, o Mestre da Vida, ensinando-nos, com a experiência de cada dia, a ciência da morte, pela qual poderemos atingir, com Ele, a vitória da ressurreição.


.Emmanuel


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir