Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Provérbios    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 7

(Versículos e sumário)

7 Filho meu, guarda as minhas expressões, e esconde dentro de ti os meus preceitos.

2 Filho, observa os meus mandamentos, e viverás; e guarda a minha lei como a menina do teu olho.

3 Traze-a atada aos teus dedos, escreve-a nas tábuas do teu coração.

4 Dize à sabedoria, tu és minha irmã; e chama à prudência a tua amiga,

5 Para que te guarde da mulher estranha, e da alheia, que adoça as suas palavras.

6 Porque desde a janela da minha casa me tenho posto a olhar por entre as grades,

7 E vejo aos incautos, considero a um mancebo insensato,

8 Que passa pela rua junto da esquina, e pelo pé da casa daquela, anda,

9 Sendo já escuro, quando o dia se vai acabando nas trevas e obscuridade da noite.

10 E eis aqui que lhe sai ao encontro esta mulher ornada à moda das prostitutas, prevenida para caçar as almas; faladora e andeja,

11 Não lhe sofrendo o coração estar queda, nem podendo ter os pés dentro em casa;

12 Pondo-se de emboscada, umas vezes fora outras nas praças, outras às esquinas.

13 E tendo mão num mancebo, o beija, e com uma cara sem vergonha lhe faz carícias, dizendo:

14 Pela tua saúde ofereci vítimas, e hoje dei cumprimento aos meus votos;

15 Por isso te saí ao encontro, desejando ver-te, e eis que te achei.

16 Fiz sobre cordões a minha cama, cobri-a com colchas bordadas do Egito;

17 Perfumei a câmara de mirra, e de aloés, e de cinamomo.

18 Vem, embriaguemo-nos de amores, e gozemos abraços desejados, até que amanheça o dia.

19 Porque meu marido não está em sua casa, foi fazer uma jornada muito dilatada;

20 Levou consigo um saco de dinheiro. Lá para o dia da lua cheia é que há de voltar à sua casa.

21 Meteu-o assim na rede com os seus longos discursos, e o arrastou com as lisonjas dos seus lábios.

22 Segue-a logo como boi que é levado ao sacrifício, e como cordeiro que vai saltando, e ignora o néscio que é arrastado para uma prisão.

23 Até que uma seta lhe traspassa o fígado; como ave que apressada corre ao laço, e não sabe que se trata do perigo da sua vida.

24 Ouve-me pois agora filho meu, e está atento às palavras da minha boca;

25 Não se deixe arrastar o teu espírito a ir pelos caminhos desta mulher; nem tu te deixes enganar das suas veredas;

26 Porque a muitos derribou feridos, e os mais fortes por ela foram mortos.

27 Caminhos do inferno são a sua casa, que penetram até às entranhas da morte.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt.


.

Abrir