Antigo Testamento | Jeremias - Capítulo 13

Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Jeremias    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 13

(Versículos e sumário)

13 Isto me disse a mim o Senhor: Vai, e compra para ti um cinto de linho, e po-lo-ás sobre os teus lombos, e não o metas na água.

2 E comprei um cinto conforme a palavra do Senhor e o pus à roda dos meus lombos.

3 E foi dirigida a mim segunda vez a palavra do Senhor, a qual dizia:

4 Toma o cinto que compraste, que tens à roda dos teus lombos, e levantando-te vai ao Eufrates e esconde-o ali no buraco de uma pedra.

5 E fui, e escondi-o no Eufrates, como o Senhor mo havia mandado.

6 E sucedeu que passados muitos dias me disse o Senhor: Levanta-te, vai ao Eufrates; e toma dali o cinto, que te mandei que o escondesses ali.

7 E fui ao Eufrates e cavei, e tomei o cinto do lugar onde o havia escondido; e eis que já tinha apodrecido o cinto, de tal sorte que não servia para uso algum.

8 E me foi dirigida a palavra do Senhor, a qual dizia:

9 Isto diz o Senhor: Assim farei apodrecer a soberba de Judá, e a muita soberba de Jerusalém.

10 A estes povos perversíssimos que não querem ouvir as minhas palavras, e andam na pravidade [maldade] do seu coração; e foram após dos deuses estranhos, para os servir e os adorar; e serão como esse cinto, que para nenhum uso é bom.

11 Porque assim como se une o cinto aos lombos de um homem, assim eu uni estreitamente comigo toda a casa de Israel, e toda a casa de Judá, diz o Senhor: para que fossem o meu povo, e do meu nome, e para meu louvor, e para minha glória; e não ouviram.

12 Pelo que lhes dirás a eles estas palavras: Isto diz o Senhor Deus de Israel: Toda a vasilha se encherá de vinho. E eles te dirão a ti: Acaso ignoramos que toda a vasilha se encherá de vinho?

13 E tu lhes dirás a eles: Isto diz o Senhor: eis aqui estou eu que encherei de embriaguez a todos os moradores desta terra, e reis da estirpe de David aos que se assentam sobre o seu trono, e aos sacerdotes, e aos profetas, e a todos os moradores de Jerusalém;

14 E po-los-ei a cada um dispersos de seu irmão, e igualmente aos pais e aos filhos, diz o Senhor. Não perdoarei, e não me aplacarei; nem usarei de clemência para que os não destrua.

15 Ouvi, e percebei nos vossos ouvidos; não vos ensoberbeçais, porque o Senhor falou.

16 Dai glória ao Senhor vosso Deus, antes que sobrevenham as trevas, e antes que tropecem vossos pés nos montes tenebrosos. Esperareis luz, e mudá-la-á em sombra de morte, e em escuridão.

17 Porque se isto não ouvirdes, chorarás a minha alma em segredo à vista da vossa soberba; pranteando chorará, e os meus olhos verterão lágrimas, porque foi cativo o rebanho do Senhor.

18 Dize ao rei, e à rainha: Humilhai-vos, assentai-vos no chão, porque a coroa da vossa glória caiu da vossa cabeça.

19 As cidades do Meio-dia estão fechadas, e não há quem as abra; todo Judá foi transferido na transmigração geral.

20 Levantai os vossos olhos, e vede os que vêm do Aquilão. Onde está o rebanho, que te foi confiado, esse teu gado famoso?

21 Que dirás quando Deus te visitar? porque tu os ensinaste contra ti, e os instruíste para tua ruína. Acaso não te tomarão dores, como a mulher que está de parto?

22 E se disseres no teu coração: Por que me vieram estes males? Pela multidão das tuas iniquidades tem sido descoberto o mais vergonhoso que em ti há; têm-se contaminado as tuas plantas.

23 Se um Etíope pode mudar a sua pele, ou um leopardo as suas malhas; podereis vós também fazer o bem, vós que não aprendestes senão a fazer o mal.

24 E eu os espalharei como a moinha, que pelo vento é arrebatada no deserto.

25 Esta é a tua sorte, e a parte da tua medida que terás de mim, diz o Senhor, porque te esqueceste de mim, e tens confiado na mentida.

26 Por isso eu também descobri as tuas coxas das pernas contra a tua face, e apareceu ignomínia,

27 Os teus adultérios, e os teus rinchos, a maldade da tua fornicação. E eu vi as abominações que tu fizeste sobre os outeiros no meio do campo. Ai de ti, Jerusalém, não serás tu jamais limpa, resolvendo-te a me seguirem; até quando ainda?



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir