Antigo Testamento | Jeremias - Capítulo 12

Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Jeremias    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 12

(Versículos e sumário)

12 Justo na verdade és tu, Senhor, se eu disputar contigo; portanto coisas justas te falarei a ti: Por que motivo é prosperado o caminho dos ímpios? Sucede bem a todos os que prevaricam, e fazem mal?

2 Plantaste-os, e lançaram raízes, medram e fazem fruto; perto estás tu da boca deles, e longe das tuas entranhas.

3 E tu, Senhor, tens-me conhecido, tens-me visto, e tens provado o meu coração contigo; ajunta-os como rebanho para o degoladouro, e destina-os para o dia da matança.

4 Até quando chorará a terra, e se secará a erva de todo o campo pela maldade dos que moram nela? Consumidos têm sido os animais, e as aves, porque disseram: Não verá ele os nossos novíssimos.

5 Se te fatigaste em seguir correndo aos que iam a pé; como poderás competir com os que vão a cavalo? e se tiveres estado quieto em terra de paz, que farás na soberba do Jordão?

6 Porque assim os teus irmãos, como os da casa de teu pai, ainda esses mesmos pelejaram contra ti, e clamaram após de ti a grandes vozes: Não te fies deles quando te falarem com agrado.

7 Deixei a minha casa, e abandonei a minha herança. Dei a minha alma em mãos de seus inimigos.

8 Tal se me tem tornado a minha herança como leão em selva; tem dado voz contra mim, por isso eu a aborreci.

9 Acaso é para mim a minha herança como uma ave de várias cores? acaso é como a ave pintada por todo o corpo? vinde, congregai-vos todas as alimárias da terra, apressai-vos a devorá-la.

10 Muitos pastores destruíram a minha vinha, pisaram a minha porção; trocaram a minha apetecível herança em deserto de solidão.

11 Tornaram-na em desolação, e chorou sobre mim; tem sido inteiramente desolada toda a terra. Porque não há nenhum que considere no seu coração.

12 Por todos os caminhos do deserto vieram destruidores, porque a espada do Senhor devorará desde um extremo da terra até outro extremo. Não há paz para nenhum vivente.

13 Semearam trigo, e segaram espinhos; receberam a herança mas não lhes aproveitará; envergonhados sereis de vossos frutos pela ira do furor do Senhor.

14 Isto diz o Senhor contra todos os meus vizinhos péssimos que tocam a herança, que reparti pelo meu povo de Israel: eis aqui estou eu que os arrancarei a eles da sua terra, e arrancarei a casa de Judá do meio deles.

15 E quando os houver arrancado, voltar-me-ei, e haverei piedade deles; e os farei voltar cada um à sua herança e cada um à sua terra.

16 E acontecerá isto: Se escarmentados aprenderem os caminhos do meu povo, de maneira que jurem no meu nome: Vive o Senhor, assim como ensinaram o meu povo a jurar por Baal; serão edificados no meio do meu povo.

17 Porém se não ouvirem, arrancarei pela raiz e com extermínio aquela gente, diz o Senhor.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir