Bíblia do CaminhoAntigo Testamento ©

Índice Página inicial Próximo Índice

Isaías   Ee

Índice

(Capítulos)

(Is 1 — 12) Introdução. Profecias contra Judá e Jerusalém. Emanuel e o Reino do Messias | Capítulo 1 | Ingratidão dos filhos de Israel. | Ameaças das vinganças do Senhor contra eles. | Eles são exortados à penitência. | Repreensão e ameaças contra Jerusalém. | Restabelecimento desta cidade. | Capítulo 2 | Glória de Jerusalém. | As nações veem adorar o Senhor. | Casa de Jacob rejeitada. | Soberbos humilhados. Só Deus exaltado. | Capítulo 3 | Desolação de Judá e de Jerusalém. | Repreensões do Senhor aos príncipes do seu povo. | Condena o Senhor a soberba e o luxo das filhas de Sião. | Capítulo 4 | Continuação das calamidades de Judá. | Germe do Senhor em glória. | Relíquias de Israel que ficaram salvas. | Capítulo 5 | Ingratidão dos filhos de Israel. | O Senhor toma a casa de Judá por juíza entre ele e a casa de Israel. | Males que os filhos de Israel têm que padecer. Inimigos que Deus suscitará contra eles. | Capítulo 6 | Isaías vê a glória do Senhor. | O Senhor o manda levar a sua palavra aos filhos de Israel e de Judá. | Ele lhes anuncia a sua dureza e as diversas revoluções que tinham de experimentar. | Capítulo 7 | O rei da Síria e o rei de Israel se ligam contra Jerusalém. Contudo eles não prevalecerão. | Uma virgem parirá um filho chamado Emmanuel. | Males que estão para vir sobre Judá. | Capítulo 8 | Filho que há de nascer a Isaías. | Destruição próxima dos dois reinos de Israel e da Síria. | Declaração de Judá. | Vãos esforços dos inimigos de Judá. | O Senhor vem a ser uma pedra de escândalo para as duas casas de Israel e de Judá. | Desfeita do reino das dez tribos. | Capítulo 9 | Primeiros golpes na casa de Israel. | Livramento da casa de Judá. | Reino do Messias. | Males que hão de cair sobre Israel. | Capítulo 10 | Continuação das ameaças contra Israel. Assim será extinto. | Os restos de Israel se converterão ao Senhor. | Marcha de Assur; sua desfeita. | Capítulo 11 | Vara do tronco de Jessé. As nações veem a ela. | Restos de Israel e de Judá associados e reunidos. | Capítulo 12 | Cântico de ação de graças pelo livramento das duas casas de Israel e de Judá — (Is 13 — 34) Opróbrios sobre as nações. Sobre Judá e Samaria. O Juízo | Capítulo 13 | Ruína de Babilônia pelos Médos, e Persas. | Capítulo 14 | Livramento dos filhos de Jacob. | Ruína dos Assírios. | Ameaças contra os Filisteus. | Promessas a favor de Judá. | Capítulo 15 | Vinganças, que o Senhor exercitará contra os soberbos Moabitas. Desolação e ruína do seu país. | Capítulo 16 | Cordeiro enviado de Moab. | Soberba dos Moabitas; sua próxima assolação. | Capítulo 17 | Ruína de Damasco. | Assolação de Samaria. | Restos de Israel convertidos ao Senhor. | Capítulo 18 | Profecia acerca de uma terra, sobre cuja situação ainda hoje discordam entre si os intérpretes. | Capítulo 19 | Males com que o Senhor castigará o Egito. Altar dedicado ao Senhor nesta terra. | O Egito ameaçado, e libertado. | Os Egípcios e os Assírios unidos no culto do Senhor. Os Israelitas se juntarão a eles. | Capítulo 20 | Cativeiro dos Egípcios e dos Etíopes. | Capítulo 21 | Ruína de Babilônia. | Noite que ameaça a Idumeia. | Desgraças que estão para cair sobre a Arábia. | Capítulo 22 | Profecia contra Jerusalém. | Sobna privado do seu ofício. | Eliacim posto em seu lugar. | Capítulo 23 | Humilhação e transmigração de Tiro. Seu restabelecimento. | Ela consagrará ao Senhor o fruto do seu comércio. | Capítulo 24 | Males que hão de vir sobre a terra no fim dos séculos. | Capítulo 25 | Cântico de ação de graças ao Senhor pelos benefícios que fez ao seu povo, e pelo castigo que deu a seus inimigos. | Capítulo 26 | Continuação do mesmo cântico. | Capítulo 27 | Castigo do príncipe opressor do povo de Deus. | Pecado perdoado à casa de Jacob. | Idolatria destruída. | Capítulo 28 | Ruína do reino de Efraim. | Desolação do reino de Judá. | Capítulo 29 | Desolação de Jerusalém e da Judeia. | Desfeita de seus inimigos. | Restabelecimento dos filhos de Judá. | Capítulo 30 | Vã confiança dos Judeus no socorro do Egito. | Restabelecimento de Judá. Desfeita de seus inimigos. | Capítulo 31 | Continua o mesmo assunto do capítulo passado. | Capítulo 32 | Reino de justiça prometido. | Capítulo 33 | Ruína dos inimigos de Judá. | Livramento deste povo. | Glória de Jerusalém. | Capítulo 34 | Vinganças do Senhor contra as nações, e em especial contra a Idumeia. | Ou segundo S. Jerônimo, ruína final do mundo, de que lhe figura a destruição de Jerusalém pelos romanos — (Is 35 — 66) Seção histórica. O Livro das Consolações | Capítulo 35 | Consolação e felicidade dos que creem no Salvador. | Capítulo 36 | Senaquerib marcha contra a Judeia. | Deputação de Rabsaces a Ezequias. Insolente fala deste enviado. | Capítulo 37 | Consternação de Ezequias. Isaías o assegura. | Blasfêmias de Senaquerib. | Oração de Ezequias. | Isaías lhe promete o socorro do Senhor. | O anjo do Senhor destrói o exército de Senaquerib. | Capítulo 38 | Doença de Ezequias. Sua milagrosa cura. | Retrogradação do sol. [?] | Cântico de Ezequias. | Capítulo 39 | Mostra Ezequias os seus tesouros aos embaixadores do rei de Babilônia. | É por isso repreendido por Isaías. | Capítulo 40 | Livramento de Israel. | Voz que se faz ouvir diante do Senhor. | Manifestação do Senhor. Sua grandeza e poder. | Bem-aventurança dos que perseveram em esperar a sua vinda. | Capítulo 41 | Provas do infinito poder de Deus. | O justo chamado do Oriente. | Redenção de Jacob. | Vaidades dos ídolos. | Capítulo 42 | Caracteres do libertador de Israel. | Ações de graças ao Senhor, que castiga os ímpios, e livra o seu povo da cegueira, e da opressão. | Capítulo 43 | Consolação ao povo fiel. | Argumentos do infinito poder de Deus. | Ele tira o seu povo do cativeiro. | Os seus benefícios são meramente gratuitos. | Capítulo 44 | Restabelecimento de Israel. | Só o Senhor é Deus. | Vaidade dos ídolos. | Reinado de Ciro. | Tomada de Babilônia. | Reedificação de Jerusalém. | Capítulo 45 | Vitórias de Ciro. Reinado de justiça. | Livramento de Israel. | O Senhor conhecido pelas nações. Ele só é o verdadeiro Deus. | Todos os povos o conhecerão. Todo Israel se gloriará nele. | Capítulo 46 | Ruína dos ídolos de Babilônia. | Israel protegido do Senhor. | Só o Senhor é o verdadeiro Deus. | Todos os seus desígnios se cumprem. | Promessas do Libertador. | Capítulo 47 | Ruína de Babilônia. Castigo da sua obstinação, da sua soberba e da sua falsa sabedoria. | Capítulo 48 | Repreensões a Israel. | Gratuidade do seu livramento. | Promessas do Libertador. | Livramento de Israel. | Capítulo 49 | O Messias rejeitado por Israel, e mandado aos gentios. | Livramento de Israel. | Destruição de seus inimigos. | Capítulo 50 | Israel vendido pelas suas iniquidades. | Deus todo poderoso para o livrar. | O Messias exposto aos ultrajes. | Ruína dos seus inimigos. | Capítulo 51 | Restabelecimento de Sião. | Jerusalém consolada. | Capítulo 52 | Livramento e estabelecimento de Jerusalém. | Enviado que anuncia o reino de Deus a Sião. | Sentinelas que anunciam o socorro. | Glória e humilhação do Messias. | O Messias reconhecido pelas gentes. | Capítulo 53 | O Messias desconhecido pelo seu povo. | Escuro nascimento do Messias. Suas humilhações, suas penas, sua morte, sua nova vida, sua longa posteridade, sucessos do seu ministério. | Capítulo 54 | Jerusalém restabelecida. Multidão de seus habitantes. Extensão do seu poder. | Concerto do Senhor com ela. Magnificência da sua estrutura. Vãos esforços de seus inimigos. | Capítulo 55 | O Senhor torna a chamar a Israel. | Libertador prometido. As gentes se lhe submeterão. | Novos convites a Israel. Livramento deste povo. | Capítulo 56 | Preparação para se conseguir a salvação prometida. | Eunucos honrados. | Estrangeiros congregados com Israel. | Repreensões contra as suas sentinelas e os seus pastores. | Capítulo 57 | Infidelidade de Israel. Vingança do Senhor contra este povo. | O Senhor aplacará a sua ira, e consolará a Israel. | Ele derramará a paz sobre a terra. Os ímpios não terão parte nesta paz. | Capítulo 58 | Israel desconhece os seus pecados. Seus jejuns infrutuosos. Obras de misericórdia recomendadas. | Livramento de Israel. Fidelidade em observar o sábado do Senhor. | Capítulo 59 | Infidelidade de Israel servindo de obstáculo para o seu livramento. | Confissão que Israel faz das suas iniquidades. | Vinda do Salvador. | Vinganças contra os inimigos do seu povo. | Capítulo 60 | Restabelecimento de Jerusalém. | Tornada dos seus filhos. | As gentes se submeterão a ela. | Sua glória, sua alegria, suas riquezas, sua paz. | Capítulo 61 | Missão do profeta, ou para melhor dizer, do Messias. | Livramento e restabelecimento de Israel. | Capítulo 62 | Zelo do profeta por Jerusalém. | Glória de Jerusalém. Guardas sobre os seus muros. | Ela será chamada esposa de Deus e cidade querida. | Capítulo 63 | Vencedor que vem da Idumeia todo tinto em sangue. | Reconhecimento das misericórdias do Senhor para com Israel. | Confissão da infidelidade deste povo. Votos pelo seu inteiro livramento. | Capítulo 64 | Votos pelo livramento de Israel. | Confissão da infidelidade deste povo. | Instancias pelo seu restabelecimento. | Capítulo 65 | Conversão dos gentios. | Incredulidade dos judeus. | Vingança do Senhor sobre este povo. | Restos salvados por graça. | Bênçãos do Senhor sobre os seus servos. | Novo mundo. Felicidade de Jerusalém. | Capítulo 66 | Tempo e sacrifícios dos judeus rejeitados. | Vinganças do Senhor contra este povo. | Sião pare um povo fiel. | O Senhor se manifesta às nações. | Nova geração que subsistirá eternamente


.

Abrir