Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Ezequiel    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 31

(Versículos e sumário)

31 E aconteceu no ano undécimo, no terceiro mês, ao primeiro do mês, que me foi dirigida a palavra do Senhor, a qual dizia:

2 Filho do homem, dize a Faraó, rei do Egito, e ao seu povo: A quem te tens tu assemelhado na tua grandeza?

3 Eis-aí tens a Assur como um cedro no Líbano, formoso nos ramos, e frondoso nas folhas, e levantado na altura, e dentre a sua densa ramada se elevou a sua copa.

4 As chuvas o criaram, um grande conjunto de águas o fez levantar-se muito alto; os seus rios corriam em torno das suas raízes, e ele mandou os seus regatos a todas as árvores da circunvizinhança.

5 Por isso a sua altura se elevou sobre todas as árvores do país; e se multiplicaram os seus braços, e se elevaram os seus ramos por causa das muitas águas.

6 E como ele atirava com a sua sombra a muito longe, todas as aves do céu fizeram os seus ninhos sobre os seus ramos, e todas as alimárias dos bosques fizeram criação debaixo da sua copa, e um grande número de gentes habitava debaixo da sombra de suas folhas.

7 E era ele formosíssimo pela sua grandeza, e pela dilatada extensão de seus braços; porque a sua raiz estava perto de grandes águas.

8 No jardim de Deus não havia cedros alguns mais altos do que ele; as faias não igualavam a sua altura, nem os plátanos lhe eram iguais na sua ramagem. Nenhuma árvore do jardim de Deus se assemelhou a ele, nem à sua formosura.

9 Porquanto eu o fiz vistoso, e de muitos, e espessos ramos; e tiveram dele emulação todas as árvores deliciosas, que havia no jardim de Deus.

10 Por essa causa isto diz o Senhor Deus: Porque este cedro se elevou na sua altura, e lançou tão alta a ponta dos seus verdes e copados ramos, e porque o seu coração se elevou na sua grandeza;

11 Eu o entreguei nas mãos do mais forte das gentes, ele o tratará como me der na vontade. Eu o rejeitei, como a sua impiedade o merecia.

12 E uns estrangeiros, e os mais cruéis de todos os povos o cortarão pelo pé, e o lançarão sobre os montes, e os seus ramos cairão de todas as partes ao longo dos vales, e os seus braços serão quebrados sobre todos os rochedos da terra; e todos os povos do mundo se retirarão de estar debaixo da sua sombra, e o deixarão.

13 Todas as aves do céu habitaram nas suas ruínas, e todas as alimárias da terra se acolheram para debaixo da sua ramada;

14 Por isso todas as árvores plantadas sobre as águas, não se elevarão na sua altura, nem estenderão o seu cume por entre a reboleira  n dos bosques e suas ramadas, nem essas árvores todas, que têm o regadio das águas, se susterão na sua elevação; porque todos foram entregues à morte, lançados no fundo da terra, no meio dos filhos dos homens, entre aqueles que descem ao lago.

15 Isto diz o Senhor Deus: No dia em que ele desceu aos infernos, fiz eu que houvesse um grande luto, eu o cobri do abismo; e detive os rios que o regavam, e coibi as grandes águas, o Líbano se entristeceu com a sua caída, e todas as árvores do campo estremeceram.

16 Eu comovi as gentes ao estampido da sua ruína, quando eu o conduzia ao inferno, com os que desciam ao lago; e se consolaram no fundo da terra todas as árvores de deleite, egrégias, e preclaras do Líbano, todas as que eram regadas com as águas.

17 Porque também esses mesmos com ele descerão ao inferno entre os que foram mortos pela espada; e o braço de cada um se assentará à sua sombra no meio das nações.

18 A quem te assemelhaste tu, ó ínclito e sublime entre as árvores das delícias? Eis-aí foste precipitado com todas essas árvores deliciosas no fundo da terra; tu dormirás no meio dos incircuncidados, com os que foram mortos pela espada, tal é a sorte de Faraó, e de todo o seu povo, diz o Senhor Deus.



[1] Reboleira: Capão de mato, horto mais ou menos arredondado.

Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir