Bíblia do Caminho Testamento Redentor

Epístola de S. Paulo aos Romanos  † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 5  † 

(Versículos e sumário)

5 Justificados pois pela fé, tenhamos paz com Deus por nosso Senhor Jesus Cristo;

2 Por quem temos também acesso pela fé a esta graça na qual estamos, e nos gloriamos na esperança da glória dos filhos de Deus.

3 E não somente nisto, mas também nas tribulações nos gloriamos; sabendo que a tribulação produz paciência;

4 E a paciência expectação, e a expectação esperança.

5 Mas a esperança não falha, porque a divina caridade foi derramada em nossos corações pelo Espírito Santo, que no-la deu.

6 A que fim pois morreu Cristo, no tempo prescrito por uns ímpios, quando nós ainda estávamos enfermos?

7 Porque apenas há quem morra por um justo, ainda que talvez alguém se arrisque a morrer por um bom.

8 Deus, porém, depositou sua caridade em nós, quando ainda éramos pecadores; pois no devido tempo, o Cristo morreu por nós;

9  Portanto, muito mais agora, que estamos justificados pelo seu sangue, seremos por ele mesmo salvos da ira.

10 Porque se, sendo nós inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, com muito mais razão, estando já reconciliados, seremos salvos por sua vida.

11 Não só isso, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, por quem agora temos recebido a reconciliação.

12 Portanto, assim como por um homem entrou o pecado neste mundo, e pelo pecado a morte, também a morte traspassou todos os homens, porquanto todos pecaram.

13 Porque antes da lei o pecado estava no mundo, mas não era imputado pecado, quando não havia lei.

14 Entretanto, desde Adão até Moisés a morte reinou, mesmo para os que não pecaram por uma prevaricação semelhante à de Adão, que é protótipo do que havia de vir.

15 Mas não é assim o dom como o delito; porque se pelo delito de um muitos estão mortos, abundou muito mais sobre muitos a graça de Deus, e o dom pela graça de um homem, que é Jesus Cristo.

16 E não foi com o dom, assim como com o pecado de um; porque o juízo certamente se originou de uma só condenação, mas a graça procedeu de muitos delitos para a justificação.

17 Porque se por um delito reinou a morte por um só homem, com muito mais razão, os que recebem a abundância da graça, do dom e da justiça reinarão em vida por um só, Jesus Cristo.

18 Pois assim como por um só delito, incorreram todos os homens na condenação, assim também por um só justo, veio sobre todos os homens a justificação da vida.

19 Porque assim como pela desobediência de um só homem, foram muitos feitos pecadores, assim também pela obediência de um só, muitos se tornarão justos.

20 E sobreveio a lei para que abundasse o delito. Mas onde abundou o delito, superabundou a graça.

21 Portanto, assim como o pecado reinou para a morte, assim também reine a graça pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo nosso Senhor.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; Novum Testamentum Graece 28th revised edition, edited by Barbara Aland and others; Parallel Greek New Testament by John Hurt


.

Abrir