Bíblia do Caminho Testamento Redentor

2ª Epístola de S. Paulo aos Coríntios  † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 4  † 

(Versículos e sumário)

4 Por isso, tendo recebido esta ministração pela misericórdia que temos alcançado, não desfalecemos.

2 Antes abdicamos do que ocultamente falta ao decoro, não andamos astutamente, nem adulteramos a palavra de Deus, mas, pela manifestação da verdade, nós nos recomendamos a toda consciência humana perante Deus.

3 Porquanto se nosso Evangelho ainda está velado, está encoberto para aqueles que se perdem;

4 Nos quais o deus deste século cegou o entendimento dos infiéis, para que não lhes resplandeça o farol do Evangelho da glória do Cristo, que é a imagem de Deus.

5 Porque nós próprios não pregamos senão a Jesus Cristo nosso Senhor, nós porém somos vossos servos por Jesus;

6 Porque Deus que disse, que das trevas resplandecesse a luz( † ) ele mesmo resplandeceu em nossos corações para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Jesus Cristo.

7 Temos porém este tesouro em vasos de barro, para que a sublimidade seja da virtude de Deus, e não da nossa.

8 Em tudo padecemos tribulação, mas não nos angustiamos, somos oprimidos, mas não desesperamos;

9 Sofremos perseguições, mas não fomos abandonados; prostrados, mas não aniquilados;

10 Trazendo sempre em nosso corpo as mortificações de Jesus, para que também a vida de Jesus se manifeste em nossos corpos.

11 Porque nós, que vivemos, somos a toda hora entregues à morte por causa de Jesus; para que a vida de Jesus se manifeste em nossa carne mortal.

12 Assim a morte se opera em nós, e a vida em vós.

13 E porque temos um mesmo espírito da fé segundo está escrito: Eu cri, por isso é que falei( † ) também nós cremos, por isso é que também falamos;

14 Sabendo que quem ressuscitou Jesus, nos ressuscitará por Jesus, e colocar-nos-á convosco.

15 Porque tudo isso é por vós, para que a abundante graça, rendida por muitos na ação de graças, superabunde na glória de Deus.

16 Esta é a razão por que não desfalecemos; mas ainda que se destrua em nós o homem exterior, todavia o interior se vai renovando dia a dia.

17 Porque, o que no presente é nossa momentânea e leve tribulação, produz em nós um valor sobremodo sublime para a eterna glória,

18 Nós não contemplamos o que vemos, mas sim o que não vemos. Porque aquilo que vemos são [coisas] temporais e o que não vemos são eternas.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; Novum Testamentum Graece 28th revised edition, edited by Barbara Aland and others; Parallel Greek New Testament by John Hurt


.

Abrir